quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Travolta Discos: Melhor selo nacional de 2008 no prêmio Zonapun.com.br



Por Cleiton.

É, ontem foi engraçado...

Estávamos tão entretidos torcendo pela vitória do CQCena que simplesmente esquecemos que estávamos concorrendo a melhor selo. Na real, estávamos tão acostumados com a Urubuz Records ganhando todo ano que nem cogitamos a idéia de um dia ganhar um prêmio. Após a vitória da crew da LBvidz, o festerê animadão, minhas fichas de cerveja terem acabado, o calor senegalês no Hangar e o sério problema de locomoção que me encontrava, acabei indo pra casa e só fui saber da notícia pelo Fausto (aka “personalidade do ano” e o “melhor baixista de 2008”) hoje de manhã! Hahahaha...

Mais tarde me lembrei que há 5 anos atrás, numa tarde de domingo, eu, Fabrício “Gwar” Moreira (cúmplice nosso de Kool Metal Fest) e dois amigos de Belo Horizonte fomos ao Black Jack aqui em São Paulo (que hoje é um estacionamento) para matar o tempo, tomar umas cervejas e ver umas bandas – não necessariamente nessa ordem. Devia ter umas 12 pessoas no lugar, umas bandas bem chatas, e duas legais. Uma chamava-se Revide, e outra, chamou nossa atenção por ter um cara que gritava pra caralho, um baterista sensacional e estava tocando para as tais 12 pessoas como se estivesse tocando para 5 mil. E como os meninos eram bons!

Na segunda-feira, na Loja 255, comentei com o Ailton que havíamos assistido duas bandas bem legais, e tinha esquecido o nome da tal banda que chamou nossa atenção. Ailton ligeiro como sempre, foi ver do que se tratava, e descobriu que a tal banda chamava-se Envydust. Não demorou para serem chamados para a quarta edição do Kool Metal Fest e pouco depois o Ailton me aparecer com um boneco de um CD deles que estava pronto mas não tinha ninguém para lançar, esse CD era o “Quando Estar Vivo não Basta”. “Vou montar um selo e lançar o disco deles”, disse, rimos juntos quando ele falou que o selo se chamaria Travolta Discos, tirada da música do Mr Bungle que eles tiveram que mudar por causa de um cara que se não me engano é ator, e meteu a banda no pau. O que poderia dar errado? O Envydust e seu disco tomaram de assalto uma cena até então emergente (se é que essa cena existia). Nem deu para perceber, mas fomos lançando tudo o achávamos legal e ninguém tinha a menor idéia que existia ou se era viável. O selo nem mesmo tinha um “estilo musical” a ser seguido – um absurdo!

Perdi a conta de quantas vezes fiz releases com coisas do tipo “a banda tal mistura influência X, Y, Z sem soar como nenhum desses estilos”. Pois é exatamente isso que as bandas que lançamos, os shows que fazemos e a vida que levamos se resume. Fazer as coisas do nosso jeito, sem nos preocupar o que os outros vão achar, seguindo nosso instinto e nos divertindo muito durante o processo. Se existe uma “pressão”, é que as bandas sigam essas “premissas”.

O resultado dá em disco de crossover com afinação ultra baixa (RHD), disco que você não consegue abrir sem danificar a arte (Are you God?), o disco mais pop e o menos vendido da história (Minnuit), um disco de luxo de “screamo progressivo” (ou coisa que o valha) a preço de banana (Envydust), fazer um DVD sem a menor idéia de como se faz um DVD e mesmo assim conseguir um resultado superior a muito DVD gringo que a gente já viu (Kool Metal Fest), apoiar bandas à beira da implosão acreditando que maus momentos trazem força e superação e sempre resultam em arte sensacional (Ludovic, Itsari, Fim do Silêncio), saber que disco virtual e sexo virtual tem em comum o fato de NÃO SER A EXPERIÊNCIA COMPLETA (“Insônia 2008” do Dance of Days), projeto post rock com membros de bandas de hardcore que dá um tilt na cabeça de quem não consegue ter uma opinião sem antes ler o Pitchfork Media (Eu Serei a Hiena).

Mérito é nosso? De forma alguma. Não fazemos lobby, campanha ou média com ninguém. Se recebemos esse prêmio é pelo fato dos discos que lançamos fazer parte e tocar a vida das pessoas. E esse é o intuito. O prêmio é de nosso cast!

Em 2009 temos muito trabalho pela frente: divulgar o disco ainda “fresquinho” do Fim do Silêncio, DVD novo do Dance of Days, DVD do Kool Metal Fest, disco novo do Eu Serei a Hiena - Já baixou no Trama Virtual? Acesse: .A versão física do álbum está sensacional.

2 comentários:

Rafael disse...

eu simplesmente amo vocês ...

America disse...

Escutem America Assault, banda formada em 2008 por ex integrantes das bandas RMDS e REIKI, misturando um Grind com HardCore Melódico.

Sem mais palavras escutem America Assault.

MySpace
http://www.myspace.com/americassault
http://www.myspace.com/americassault
http://www.myspace.com/americassault


PureVolume
http://www.purevolume.com/AmericaAssault
http://www.purevolume.com/AmericaAssault
http://www.purevolume.com/AmericaAssault


Comunidade Orkut
http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=92893752


Contato America Assault
americaassault@hotmail.com

MSN
diegoreiki@hotmail.com
paulokiki@hotmail.com


///America Assault é:
Vocal.vitor
Guitarras.Augusto
Guitarras.Paulo
Baixo.Atos
Batera.Diego

"A mudança é a lei da vida"
http://www.americassault.com.br/
http://www.americassault.com.br/
http://www.americassault.com.br/
http://www.americassault.com.br/
http://www.americassault.com.br/
http://www.americassault.com.br/